horta4

DIY – Faça uma horta em casa

Oi Meninas!!!

Hoje em dia é bem difícil a gente ir até a feira e encontrar verduras e legumes de qualidade. E além da qualidade não ser lá essas coisas, o preço também não compensa muito.

Fazer uma horta em casa pode ser também uma oportunidade de se entreter mais com a família, de forma que todos podem ajudar a cuidar do espaço. Você só precisa de um espaço grande e que tenha bastante sol. Agora se você não tem muito espaço, a nossa dica é utilizar aquelas jardineiras, ou até mesmo, utilizar vasos.

O bom da hortinha em casa é que a gente tem alimentos saudáveis e frescos sem aditivos nenhum. :)

Na hora de escolher o melhor modo de plantar a sua horta, considere as espécies que deseja cultivar.

Algumas formas de cultivar as plantas são:

  • Direto na terra: ideal para quem tem quintal com espaço, nesse modelo tradicional as sementes ou mudas são plantadas direto na terra.
  • Vasos: vasos são alternativas práticas tanto para quem mora em casa quanto em apartamento, com várias opções de tamanhos, materiais, formatos e cores.
  • Embalagens recicladas: garrafas pet, latas de refrigerante ou alimentos, caixas de leite, potes de vidro. É uma saída barata, rápida e sustentável.
  • Floreiras: oferecendo um bom espaço, as floreiras são ótimas para uma horta compacta em pequenos espaços.
  • Caixas de madeira: espaçosos e baratos, caixotes de madeira e paletes podem ser boas escolhas.
  • Horta vertical: ideal para quem mora em apartamento, esse modelo consiste em montar a horta aproveitando espaços próximos a paredes. A horta vertical pode ser plantada em vasos, embalagens recicladas, estruturas de madeira e sapateiras.

Vale lembrar que quem optar por vasos, potes, caixas, garrafas e outros recipientes, seja em hortas verticais ou horizontais, não deve esquecer de providenciar furos no fundo para evitar o excesso de água no solo.

A variedade de verduras, vegetais, ervas e temperos possíveis de cultivar em casa é muito grande! Para chegar nas escolhas ideais para você, é preciso levar em conta o espaço disponível, suas preferências e os cuidados que cada espécie exige.

Hortelã

Como plantar: a hortelã pode ser plantada por mudas ou sementes, conforme a espécie. É aconselhado fazer o plantio em um local sem ação de ventos fortes, uma vez que estes podem prejudicar o crescimento da planta.

Quando plantar: embora a planta seja resistente a mudanças de clima, o ideal é plantar durante a primavera ou outono, quando as temperaturas são mais amenas.

Salsinha

Como plantar: as sementes podem ser plantadas em recipientes com profundidade de, pelo menos, 30 cm, para favorecer o desenvolvimento das raízes. Para agilizar a germinação, uma dica é deixar as sementes de molho em água por um dia antes de plantá-las.

Quando plantar: a salsa pode ser plantada em qualquer época do ano, de preferência aproveitando dias em que não faça calor ou frio excessivo.

Cuidados e quando colher: mantenha o solo sempre bem irrigado e planeje adubações frequentes. A colheita pode ser feita, em média, de dois a três meses após o plantio. As folhas devem ser colhidas inteiras.

Cebolinha

Como plantar: pode ser plantada em sementes ou mudas. Caso as sementes não sejam plantadas diretamente no local definitivo, o transplante pode ser realizado depois de 30 a 40 dias.

Quando plantar: durante todo o ano, dando preferência às épocas de clima ameno.

Cuidados e quando colher: solo irrigado e adubado, com abundância de nutrientes. A colheita pode ser feita de dois meses e meio a quatro meses após o plantio. Colha as folhas inteiras, retirando-as pela base e nunca pela metade.

Alecrim

Como plantar: o alecrim pode ser plantado por sementes ou mudas. No caso das mudas, o transplante para lugar definitivo deve ser feito apenas quando o ramo atingir entre 15 e 20 cm.

Quando plantar: plantas jovens não devem ficar expostas a temperaturas muito baixas, então prefira realizar o plantio em épocas mais quentes, como primavera ou verão.

Cuidados e quando colher: resistente a secas, as regas devem ser mais frequentes na planta jovem e podem ficar mais espaçadas na planta desenvolvida. A colheita pode ser feita a partir do terceiro mês após o plantio, sem retirar mais da metade dos ramos de uma só vez para não prejudicar o crescimento.

Manjericão

Como plantar: pode ser plantado em sementes já nos lugares definitivos ou para ser transplantado com cerca de 10 a 15 cm. Mudas podem ser feitas a partir de ramos de plantas adultas; neste caso, o comprimento deve ser de em média 15 cm e o ramo deve ser mergulhado em água até que as raízes se formem.

Quando plantar: o manjericão não tolera baixas temperaturas. O ideal é plantá-lo em épocas quentes, com temperaturas acima de 18º C.

Cuidados e quando colher: as folhas podem ser colhidas após dois ou três meses do plantio. A irrigação deve ser constante, mantendo o solo sempre com umidade média.

Alface

Como plantar: a alface pode ser plantada em sementes diretamente no local definitivo ou transplantada posteriormente – nesse caso, o ideal é fazer a mudança quando a planta já tiver de quatro a seis folhas, com o solo bastante irrigado.

Quando plantar: estações de clima ameno, como primavera e outono, são as mais indicadas para o plantio. Altas temperaturas podem impedir o desenvolvimento das sementes.

Cuidados e quando colher: a melhor maneira de colher é cortando a planta pela base, deixando cerca de 2,5 cm de caule acima do solo para que as folhas possam voltar a brotar. A planta pode ser colhida entre 55 e 130 dias após o plantio.

Tomatinho cereja

Como plantar: plantado em sementes. Caso opte por fazer o transplante, faça isso quando as plantas atingirem aproximadamente 10 cm de altura.

Quando plantar: a melhor época para o plantio do tomatinho cereja é no início da primavera.

Cuidados e quando colher: a colheita pode ser feita entre 60 e 70 dias após o plantio, quando os frutos estiverem maduros. Caso o peso dos frutos comece a envergar o caule, ate uma estaca para sustentar a planta.

Cenoura

Como plantar: plante a cenoura em solo profundo, leve e livre de pedras ou outros detritos. As sementes devem ser plantadas no local definitivo.

Quando plantar: o plantio ideal é em épocas de clima ameno. Evite plantar em dias muito frios ou com temperaturas muito elevadas, acima de 30º C.

Cuidados e quando colher: a colheita pode ser feita de dois a quatro meses após o plantio, conforme a espécie da cenoura. A irrigação deve ser frequente, sempre tomando cuidado para não encharcar o solo.

Morango

Como plantar: pode ser plantado em vasos e outros recipientes facilmente por não possuir raízes profundas. É mais comum o plantio de mudas, mas também pode ser platado em sementes.

Quando plantar: prefira dias frescos e nublados para realizar o plantio, especialmente na época que compreende o fim do verão até o fim do outono. O morango desenvolve melhor os frutos quando as temperaturas não são muito elevadas.

Cuidados e quando colher: para produzir mais frutos, corte os estolhos assim que eles surgirem. Colha quando os frutos estiverem maduros, o que ocorre de 60 a 80 dias após o plantio.

Muitas são as ideias de cultivo, a gente até se perde com tanta variedade. :)

Confira agora o passo a passo para montar a sua horta:

Instruções:

Devemos escolher um lugar que receba sol a maior parte do dia.

Deve ter em conta um espaço para poder pisar e circular sem danificar a plantação. Se tiver animais de estimação no jardim, é melhor vedar o espaço destinado à horta parta que eles não estraguem a horta.

Prepare a terra para areja-a, e com a ajuda de uma enxada e um ancinho limpe as possíveis ervas daninhas, pedras, etc.

Acrescente uma camada de 2 a 10 cm de composto orgânico e terra fértil segundo a qualidade do solo. Também pode adicionar um pouco de adubo, mas deve ter em conta que solta um forte odor e atrai moscas e outros insetos.

Uma vez preparada a terra, podemos começar a semear os vegetais que escolhermos, quer seja mediante de sementes ou rebentos de plantas. É muito comum plantar em casa: tomates, espinafre, berinjela, salsa, manjericão…

Devemos ter sempre em conta a distância que é necessária manter entre uma planta e a outra, para que possam crescer sem nenhum problema.

Recomenda-se plantar e regar os vegetais pela manha bem cedo ou à noite, evitando as horas de sol mais duras.

Confira algumas imagens com dicas de como fazer um melhor cultivo .

horta3

horta2

horta1

horta11

horta10

horta9

horta8

horta7

horta6

horta5

horta4

Espero que tenham gostado.

Até a próxima!! ;)

 

Fonte: Daqui

Imagens: Pinterest

Lidiane Silva
Casada, Mãe da Ester, do Arthur e da Sophia, Cristã na CCB, adora passear, e nas horas vagas aproveitar pra fazer crochet. =)

diy17

DIY – Tapete com Pompom de Lã

diy1

O nosso DIY de hoje é super simples e fácil de fazer.

Tapete de Pompom feito com lã, assim a gente aproveita aqueles restinhos de lã que sobra e faz uma peça linda pra decorar a casa.

Você vai criar peça única e divertida.

Passo a passo:

  • Tela de tapeçaria (tamanho a sua escolha)
  • tesoura,
  • 2 rolos de papel higiênico (Ou outra opção para confeccionar os pompons)

diy2

Separe todos os materiais.

diy3

Pegue os rolos de papel higiênico, encaixe os dedos e comece a enrolar a lã em torno de ambos os rolos.

diy4

Continue a enrolar até este tamanho (mais ou menos igual aparece na foto) ou, se preferir, deixe um pouco maior. Os tamanhos dos pompons serão diferentes uns dos outros, o que não é um problema.

diy5

Corte a lã e comece a enrolá-la no sentido do comprimento. Isto é, entre os dois rolos de papel.

diy6

Dê um nó e remova a lã dos rolos.

diy7

Termine de dar o nó no pompom. Aperte bem e não corte as pontas, pois você ainda vai precisar delas como base de tapeçaria no futuro. Corte ao redor da lã.

diy8

Faça vários pompons de várias cores com a paleta de sua preferência. Cada pompom leva cerca de 5 minutos para ser feito.

diy9

Com os pompons prontos, escolha o design que você quiser e vá montando-os na tapeçaria.

diy10

Amarre e dê os nós com as pontas que você reservou anteriormente.

Caso sobrem alguns pompons, você pode usá-los para outros projetos.

diy11

diy17

diy16

diy15

diy14

diy13

diy12

Fonte: Daqui

Lidiane Silva
Casada, Mãe da Ester, do Arthur e da Sophia, Cristã na CCB, adora passear, e nas horas vagas aproveitar pra fazer crochet. =)

carrinhodefeira

DIY: Reutilizando Carrinho de Feira

Um DIY super fácil e prático que achei pra compartilhar com vocês hoje.

Todas nós temos um carrinho de feira em casa, e tem aquelas que nem usa mais, e ele está lá no cantinho sem uso nenhum.

Pesquisando um passo a passo achei essa ideia muito criativa, e a gente pode dar uma nova chance pra esse carrinho de feira que estava a tanto tempo guardado.

Se por acaso o seu estiver um pouquinho enferrujado e sem cor, use um spray de tinta de sua preferência pra dar uma cara nova.

Espero que tenham gostado. :)

carrinhodefeira carrinhodefeira1 carrinhodefeira2 carrinhodefeira3 carrinhodefeira4

Fonte: Daqui

Lidiane Silva
Casada, Mãe da Ester, do Arthur e da Sophia, Cristã na CCB, adora passear, e nas horas vagas aproveitar pra fazer crochet. =)

pregador 1

DIY: Descanso de panela com pregador

pregador 4

Hoje o nosso DIY vai ensinar pra vocês como reutilizar os pregadores que vão ficando velhos e quebrados.

Vamos utilizá-los pra fazer um lindo descanso de panelas.

Você pode um kit de 3 descanso de panelas e presentear alguma amiga, e com as cores que ela mais gosta.

Você vai precisar de:

40 pregadores desmontados

Cola de madeira

Verniz incolor em spray

Como fazer:

Passe cola na metade da parte de fora do pregador e vá colando um no outro, de ladinho até fechar o círculo. Se você preferir, você pode fazer um furinho em cada pregador e passar um arame pra segurar tudo enquanto a cola seca.

Importante! Por causa do verniz, evite contato direto de alimentos a essa peça.

pregador 2

pregador 3

pregador

 

Lidiane Silva
Casada, Mãe da Ester, do Arthur e da Sophia, Cristã na CCB, adora passear, e nas horas vagas aproveitar pra fazer crochet. =)

almofada-diy

DIY: Customizando Almofadas com Feltro

Você tem várias almofadas e não sabe o que fazer pra dar aquela renovada??

A nossa dica de hoje é super simples, rápida e bem baratinha.

O nosso molde escolhido foi o círculo, mas claro que você pode escolher outro molde, o que vale é a criatividade.

Agora vamos ao passo a passo. ;)

O que você vai precisar:

  • Feltros em tons diferentes
  • Cola quente
  • Tesoura
  • Cartolina ou papelão (para os moldes)
  • Uma lata (pra definir o desenho do círculo)
  • canetinha


2

3

4

5

6

7

8

Fonte: Daqui

É muito fácil não é meninas??

Faça você a sua customização e manda uma foto pra gente ver como ficou. Lembrando que você pode escolher o molde que mais gostar, e as cores também.

Espero que tenham gostado. :) Bjos

Lidiane Silva
Casada, Mãe da Ester, do Arthur e da Sophia, Cristã na CCB, adora passear, e nas horas vagas aproveitar pra fazer crochet. =)

arte com botões 7

Decoração: Decorar com botões é uma arte!

Decorar a casa com arte é maravilhoso, decorar com artesanato é ainda melhor e quando é feito por nós mesmas, minha gente, não tem preço.

O artesanato além de ser uma terapia é uma arte, e fala sério, cá entre nós, quando o trabalho fica pronto dá um orgulho, que sentimento gostoso, não é verdade?

Selecionamos para vocês algumas idéias de objetos para decorar sua casa com artesanato, feito por você mesma e imaginem, usando botões! Dá para acreditar?

Aqui temos tela para pintura revestida com tecido, desenhe as letras na cartolina e recorte. Comece pelos botões grandes e depois vá preenchendo os espaços com os botões menores. Use cola branca.

arte com botões 1

Olha que gracinha este gatinho, caso você não ache em MDF, você pode desenhar o molde em papelão, forrar com tecido, a dica para os botões é a mesma, sempre comece pelos maiores.

artecom botões 7

Olha aquele globo do Free Shop, este trabalho de artesanato é uma verdadeira arte! Os botões em madre pérola deixou o trabalho muito sofisticado. Simplesmente lindo!

arte com botões 7

Este trabalho também pode ser realizado em tela para pintura, neste caso minha sugestão é que a tela seja pintada com a tinta adequada para pintura em tela e o desenho da torre efetuado diretamente na tela. Mais uma vez o uso da madre pérola dá um toque requintado.

arte com botões 6

A coruja teve direito até de moldura! É um trabalho que está na minha lista de coisas a fazer! A decoração é mesmo uma arte.

arte com botões 5 arte com botões 4 arte com botões 3

No caso de monogramas, se você não encontrar em MDF, escolha o tipo da letra em um editor de texto, faça a impressão no tamanho da fonte adequada e então desenhe na cartolina.

Não tem mistério nenhum para a realização do artesanato com botões, meninas a ideia básica está aí, agora solte sua imaginação para decorar a sua casa com artesanato de botões e crie o seu.

Leila Melende
Cristã na CCB, esposa e mãe. Formada em administração de empresas, adoro artesanato, principalmente croche, tricô e bordado.

DIY: Marcador de livro Pompom!!

Olá! O passo a passo de hoje é muito fofo!!

1

Quem não gosta de um bom livro?? E com esse marcador de pompom, vai ficar ainda mais gostoso lê e marcar onde paramos.

Você só vai precisar de novelos de lã e tesoura \o/00

Siga o passo a passo:

Achados-da-Bia-DIY-pompom

• Enrole o fio de lã nos seus dedos de forma confortável, não muito apertado. A quantidade de dedos vai depender do tamanho do pompom que você vai querer, quanto mais dedos maior ficará. Recomendamos enrolar o fio 90 vezes.
• Corte o fio que sobrou e, com cuidado, retire dos dedos. Ele vai parecer rolinho de lã.
• Pegue um pedaço pequeno da mesma lã e dê um nó no meio do rolinho.
• Para fazer o fio do marcador, separe um novo fio de lã, com aproximadamente 15 cm, e amarre ao redor da mesma corda usada para amarrar o rolinho.
• Agora, segure o rolinho e, com a tesoura, corte em cima e embaixo, abrindo os rolinhos.
• Por fim, vamos aparar o pompom para que ele fique uma bolinha mais certinha, redonda e fofinha. Está pronto!! Super fácil né??

Achei aqui. ;)

 

 

Katia Godoy
Casada com o Erik e mãe da Alice – Divide o tempo entre o trabalho, As Escolhidas e brincar com a Alice. O passatempo preferido é pintar os livros de colorir.

Porta trecos fácil!!

Olá!! Hoje tem duas dicas muito fáceis, basta ter habilidade com a tesoura ;)

A primeira é um porta lápis super prático. Em tempos em que o livro de colorir é um sucesso, pode ser uma ótima opção de presente ou até mesmo para você. E também podemos colocar os pincéis de maquiagem né?? Vai ficar tudo organizado e bonitinho…

1

Vamos lá, você vai precisar de:

Tecido de feltro

Fita

Tesoura, régua, lápis, linha e agulha.

Siga o passo a passo dos desenhos, não tem segredo gente :)

2 3 4

Super fácil né?? Encontrei aqui. :)

 

Esse segundo é ótimo para organizar os cabos, carregadores e fone de ouvido na bolsa ou na mala de viagem… Também não tem segredo. Nesse passo a passo original foi utilizado botão de pressão, não é tão difícil de colocar. Mas para você que não quer ter tanto trabalho como eu…rsrsrsrs… podemos pegar a idéia de costurar a fita igual o porta lápis… oq vc acha?? O meu vou fazer com a fita!!!

1

Vamos lá, você vai precisar de :

Tecido de courino

Lápis, régua, tesoura.

Fita, linha e agulha (Para quem for fazer a amarração de fita) \o/

Botão de pressão (Para quem for encarar o botão)

Assim como o porta lápis, sigam o passo a passo dos desenhos… explicando direitinho como coloca o botão de pressão ;)

2 3 4 5 68 9

E aí o que vocês acharam?? Eu adorei as 2 idéias, conta para gente!! Esse passo a passo encontrei aqui.

 

 

Katia Godoy
Casada com o Erik e mãe da Alice – Divide o tempo entre o trabalho, As Escolhidas e brincar com a Alice. O passatempo preferido é pintar os livros de colorir.

DIY: Mini jardim com rolhas!!

Jardim_rolhas_reproducao-546x628

Gente super fofo esse mini jardim feito com rolhas. Colando um pequeno imã no vasinho podemos grudar em um painel de metal ou até na geladeira. Não é o máximo??

Confira o passo a passo super fácil e aproveite as rolhas das festas de fim de ano e peça para os amigos guardarem as rolhas p vc.  :)

Como_fazer_jardim_rolha_reproducao-546x243

Você vai precisar de:

Rolhas canivete ou uma faca de ponta

Bolinhas de imã

Cola quente

Terra

Mudas de suculentas

Vamos lá: Um dia antes, deixe as rolhas de molho em água fria para facilitar na hora de escavar o interior delas, vão ficar mais macias. Marque um ponto no centro da rolha e com o canivete escave todo o seu interior, preencha o espaço escavado com terra e plante a mudinha de suculenta, regue com um conta gotas. A dica é expor a plantinha pelo menos 4h por dia ao sol. Há e com a cola quente, cole o imã na lateral do seu vasinho e pronto, você já tem seu mini jardim!!!

Fonte e imagens: Daqui

 

 

Katia Godoy
Casada com o Erik e mãe da Alice – Divide o tempo entre o trabalho, As Escolhidas e brincar com a Alice. O passatempo preferido é pintar os livros de colorir.